Ir direto para menu de acessibilidade.
Você está aqui: Página inicial > Programas > Inauguração de espaços de convivência e prolongamento de via aconteceu na última sexta
Início do conteúdo da página

Inauguração de espaços de convivência e prolongamento de via aconteceu na última sexta

Publicado: Quarta, 16 de Agosto de 2017, 19h15 | Última atualização em Quinta, 24 de Agosto de 2017, 14h30 | Acessos: 98

 

20170804 105229

Foram inauguradas na manhã da última sexta-feira, dia 4, em frente à Reitoria, as obras de urbanização realizadas no campus sede da Universidade Federal de Campina Grande (UFCG).

Além dos espaços de convivência e o ajardinamento de vários setores do campus, também foi liberado o acesso ao prolongamento da Avenida Albert Einstein, via principal do campus de Campina Grande, que interligou os setores A e B ao Setor C.

 A solenidade, que teve início às 10h30min, contou com apresentação da banda filarmônica Epitácio Pessoa, hasteamento de bandeiras e descerramento da placa inaugural pelo vice-reitor Camilo Farias e pró-reitor Benemar Alencar.

 O reitor Vicemário Simões ressaltou a importância de se criarem ambientes que ajudem numa maior socialização dos integrantes da comunidade acadêmica, garantindo aos alunos espaços adequados de convivência. “São obras há muito tempo aguardadas, que promovem maior mobilidade e segurança aos membros da UFCG”, enfatizou.

 De acordo com o prefeito universitário, Mário Araújo, os novos espaços de convivência - três coretos e duas praças - vão propiciar uma maior interação entre alunos, professores e servidores. “São nestes locais onde acontece a vida acadêmica”, destacou.

 O professor Edílson Amorim, em cuja gestão teve início a reurbanização, salientou a melhoria da acessibilidade no campus sede, agradecendo à equipe de arquitetos e engenheiros da Prefeitura Universitária, responsável pelo projeto, lembrando ainda a participação fundamental do ex-prefeito universitário, professor Geraldo Baracuhy, no início dos trabalhos.

 Ao final, o arquiteto Paulo Alexandre Marques doou à universidade um belo quadro, de sua autoria, reproduzindo a fachada da Reitoria. “É um ato de gratidão à Campina Grande e à UFCG pelo acolhimento afetuoso que eu e minha família recebemos, desde que viemos do Pernambuco. Hoje, posso dizer que sou o pernambucano mais paraibano que existe”, justificou o servidor, enquanto passava a obra às mãos do reitor.

 Espaços de convivência

 A ideia é que os coretos sirvam de palco para atividades acadêmico-culturais promovidas por grupos de estudantes. O ramo estudantil do Instituto de Engenheiros Eletricistas e Eletrônicos (IEEE/UFCG) ficará a cargo das atividades realizadas no coreto ao lado do “Lago das Garças”; os grupos do Programa de Educação Tutorial (PET) assumirão as atividades no coreto próximo ao Restaurante Universitário (RU), enquanto que as atividades do coreto próximo à Reitoria ficarão sob a responsabilidade de grupos musicais da Unidade Acadêmica de Arte e Mídia.

 (Ascom UFCG)

registrado em:
Fim do conteúdo da página